EFEITOS A CURTO PRAZO DA MANIPULAÇÃO DA COLUNA TORÁCICA EM PACIENTES PORTADORES DE CERVICALGIA CRÔNICA

Ensaio Clínico

Autores

  • Erica Fatima de Lima Centro Universitário Uniguairacá
  • Liseu Silva

Palavras-chave:

Cervicalgia;, Terapia Manual;, Manipulação;, Coluna Torácica.

Resumo

Objetivo: Determinar os efeitos a curto prazo da manipulação da coluna torácica na dor e funcionalidade em pacientes portadores de cervicalgia crônica. Método: A amostra foi composta por 14 indivíduos, de ambos os sexos, com idades entre 20 à 45 anos. Os participantes foram incluídos em um único grupo, onde todos receberam a manipulação AVBA (alta velocidade e baixa amplitude). A intensidade da dor foi medida através da escala de avaliação numérica (NRS-11) e a funcionalidade foi classificada através do índice de Incapacidade do Pescoço (NDI). Os dados estatísticos foram analisados por meio do Software IBM Statistics SPSS 20. Resultados: Houve uma redução significativa no nível de dor quando comparamos a pré (5,43 ± 1,65), pós (3,28 ± 1,81) e pós 7 dias de intervenção (2,57 ± 1,55), p= 0,000. A funcionalidade também apresentou uma diferença estatisticamente significativa, com média de 11,86 ± 4,45 no período pré, e de 6,57 ± 4,01 no pós, p=0,000. Conclusão: No presente estudo a manipulação apresentou resultados positivos a curto prazo na dor e na funcionalidade de pacientes portadores de cervicalgia crônica.

Downloads

Publicado

2024-03-28

Como Citar

Fatima de Lima, E., & Silva, L. (2024). EFEITOS A CURTO PRAZO DA MANIPULAÇÃO DA COLUNA TORÁCICA EM PACIENTES PORTADORES DE CERVICALGIA CRÔNICA: Ensaio Clínico. Revista Voos Polidisciplinar, 20(1), 121–133. Recuperado de https://revistavoos.com.br/index.php/sistema/article/view/272

Edição

Seção

CADERNO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE: PROMOÇÃO E INOVAÇÃO